20 de dezembro de 2015

10 de novembro de 2015

Previsão do tempo: segunda-feira tem pancadas de chuva em todo país

08/11/2015 21h59 - Atualizado em 08/11/2015 21h59

Em regiões de SP, RJ e MG deverá haver descargas elétricas localizadas.

Sol predomina apenas em parte da BA, do PI e do PE.

Do G1, em São Paulo
Todas as regiões do país têm previsão para pancadas de chuvas nesta segunda-feira (9), segundo o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Cptec/Inpe), sendo que em regiões de São Paulo, Rio de Janeiro e Minas Gerais deverá haver descargas elétricas localizadas.

Alguns estados, no entanto, têm previsão de sol entre poucas nuvens, como é o caso de parte do Rio Grande do Sul, do sul e sudeste do Tocantins, de parte do litoral do Maranhão, Piauí, Ceará, Goiás e do Distrito Federal.

O sol deve predominar apenas em no centro-sul do Piauí, no extremo oeste de Pernambuco e no centro-oeste da Bahia.
Veja a previsão por região para esta segunda-feira:
Capital
Mínima
Máxima
27°C
18°C
Rio de Janeiro
29°C
22°C
31°C
18°C
36°C
23°C
32°C
25°C
29°C
25°C
34°C
26°C
32°C
25°C
22°C
15°C
30°C
18°C
Sudeste
Na maior parte de São Paulo, no sudeste, no sul e no Triângulo Mineiro de Minas Gerais, no centro-oeste e no Vale do Paraíba do Rio de Janeiro, a previsão é de pancadas de chuva e descargas elétricas localizadas. No litoral do RJ e de SP, nebulosidade variável e chuva periódica. No norte do RJ e do extremo sul do Espírito Santo ao oeste de MG, há possibilidade de pancadas de chuva em áreas isoladas. Já no leste e nordeste do ES deve haver variação de nebulosidade. Para as demais áreas da região, a previsão é de sol entre poucas nuvens.

Sul
No litoral norte do Rio Grande do Sul e no litoral sul de Santa Catarina, a previsão é de muitas nuvens e chuvas isoladas. No litoral norte de SC e litoral do Paraná, muitas nuvens e chuva. No norte do RS e no sudeste e oeste de SC haverá possibilidade de pancadas de chuva. Nas demais áreas de SC e do PR o céu deve ficar nublado e pode haver pancadas de chuva. Nas demais áreas do RS, a previsão é de sol e poucas nuvens.

Norte
No sul e no sudeste de Tocantins, a previsão é de sol entre poucas nuvens. Nas demais regiões e em outros estados poderá haver pancadas de chuva.

Nordeste
No oeste, noroeste e norte do Maranhão poderão haver pancadas de chuva isoladas a partir da tarde. Nas demais áreas do litoral do MA, no litoral do Piauí, do Ceará e no leste da Região Nordeste, a previsão é de sol e variação de nuvens. No centro-sul do PI, extremo oeste de Pernambuco e centro-oeste da Bahia o sol deverá predominar. Nas demais áreas, a previsão é de sol e poucas nuvens.

Centro-Oeste
No leste e no norte de Goiás e no Distrito Federal deverá haver sol e poucas nuvens. No centro-sul e leste de Mato Grosso do Sul o tempo deverá ficar nublado com pancadas de chuva. No noroeste, centro e sudeste de GO também há possibilidade de pancadas de chuva em áreas isoladas a partir da tarde. Nas demais áreas da região, a previsão é de pancadas de chuva localizadas.

Estudantes de SC fazem barco a energia solar que atinge 30 km/h

10/11/2015 06h00 - Atualizado em 10/11/2015 06h00

Painéis na embarcação captam raios solares, que servem de combustível.

Estudantes querem vencer competição no RJ e ir para o mundial em 2016.

Do G1 SC
Estudantes da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) desenvolvem em Florianópolis um barco movido a energia solar capaz de atingir 30 quilômetros por hora. O objetivo é participar do campeonato brasileiro dessa categoria, que vai ocorrer neste mês em Búzios, no Rio de Janeiro. Para além da competição, porém, os alunos ajudam a desenvolver novas tecnologias.
Atualmente, a equipe Vento Sul melhora o barco chamado de Guarapuvu. O desafio deles é montar um veículo veloz e eficiente. Na categoria livre, a Vento Sul já foi campeã cinco vezes e quer levar o primeiro lugar novamente no Desafio Solar Brasil, que ocorre de 11 a 15 de novembro.
Os raios solares funcionam como combustível, captados em painéis que vêm sendo aprimorados a cada ano. Como toda prova de velocidade, a regra é simples: vence quem chegar primeiro.
"Estamos confiantes. O principal desafio é não perdermos para nós mesmos. A gente sempre melhora o projeto, todos os anos", disse o capitão da Vento Sul, Bruno Leonardo e Silva, que é estudante de engenharia civil. "Aprendo muita coisa aqui que consigo usar em muitas matérias do curso", diz Willian Vieira dos Santos, estudante de engenharia mecânica.
Painéis colocados no barco captam a energia solar (Foto: Reprodução/RBS TV)
Painéis colocados no barco captam a energia solar
(Foto: Reprodução/RBS TV)
Painéis para capturar energia solar
O Guarapuvu tem seis metros de comprimento, é leve e tem na parte superior painéis que captam a energia solar, armazenada em uma bateria no interior das embarcações.

Mas, se o sol não aparecer no dia, as embarcações funcionam mesmo assim. "Ele tem um banco de bateria de um quilowatt. É pouco, a ideia é ser um barco solar, e não apenas elétrico. Com um pouco de luz, ele funciona e, se o tempo fechar totalmente, ele ainda funciona com a bateria, não se perde no mar", explicou Bruno.
A meta é vencer a prova deste ano para, em 2016, ir para Holanda participar da competição mundial. "Se vencermos o Desafio Solar Brasil, é um indicativo que estamos no caminho certo para a competição do ano que vem. Teremos um barco novo. Acaba a competição deste mês, começamos a projetar um barco novo para ir para o mundial", diZ o capitão da Vento Sul.

5 de outubro de 2015

Enriqueça o preparo do feijão



Enriqueça o preparo do feijão

De forma simples, é possível incrementar o preparo utilizando aveia e um misto de legumes.





Por si só o feijão é uma riquíssima fonte de nutrientes. Em sua composição estão presentes carboidratos, proteínas, vitaminas do complexo B, fibras e minerais, como ferro, zinco e cálcio. O alimento é tão importante que o Guia Alimentar para a População Brasileira, elaborado pelo Ministério da Saúde, recomenda a ingestão de uma porção de feijão diariamente (1 porção de feijão = 1 concha média) ou, no mínimo, cinco vezes na semana.
Para deixar o preparo ainda mais nutritivo e saboroso, é possível adicionar legumes e aveia, excelente estratégia para quem não ingere com frequência esses alimentos. Separamos uma receita recheada de nutrientes e dicas para deixá-la completamente saudável.

DICA 1: Reduza a quantidade de sal adicionada ao feijão acrescentando quantidades generosas de temperos naturais que você gosta, eles também pertencem ao saudável grupo dos legumes e verduras.

DICA 2: A vitamina C ajuda na absorção do ferro. Durante a refeição procure ingerir em conjunto alimentos fontes de vitamina C, como morango, brócolis, couve, acelga, repolho, couve-de-bruxelas, pimentão (amarelo, vermelho ou verde) e couve-flor.




Matéria publicada em: 01/10/2015    Por: Celia Fontinele

6 de julho de 2015

Refrigerante causa 184 mil mortes ao ano no mundo

O consumo de refrigerantes, energéticos, chás gelados e bebidas a base de frutas é responsável por 184,4 mil mortes por ano no mundo. A conclusão é de um levantamento realizado na Tufts University, dos Estados Unidos, com base na análise de dados referentes à ingestão deste gênero de bebida entre os anos 1980 e 2010 em 51 países. Realizado pela pesquisadora Gitanjali Singh, o trabalho foi publicado na última edição da revista Circulation, da Associação Americana de Cardiologia.
Cerca de 75% das mortes acontecem em países pobres e em desenvolvimento. A maior parte ocorre por diabetes. O tipo 2 da doença é associado ao estilo de vida (obesidade e sedentarismo). Segundo o relatório, o consumo de bebidas açucaradas é responsável por cerca de 133 mil mortes entre os diabéticos. Outros 45 mil óbitos são decorrência de doenças cardiovasculares (infarto e acidente vascular cerebral), também relacionadas à obesidade. Outras 6,4 mil mortes são resultado de câncer.

30 de junho de 2015

Phone completa 8 anos

Phone completa 8 anos

Conheça os 'segredos' do smart que virou lenda


O primeiro iPhone da história foi lançado em 29 de junho de 2007, e nesta segunda-feira o smartphone da Apple faz aniversário. De lá para cá, o telefone com iOS conquistou muitos fãs, usuários, uma legião de críticos ao redor do mundo e provocou uma verdadeira revolução na tecnologia. Para o 8º ano do gadget, TechTudo listou oito curiosidades sobre o smartphone criado por Steve Jobs.
1 – Antes do iPhone (Ai) e depois do iPhone (Di)
Se você foi um adolescente ou adulto nos anos 2000, é provável que se lembre de uma variedade de modelos de celulares. Naquela época, as fabricantes de aparelhos apostavam em diferentes padrões de design, como o flip (dobrável) e barra. Cada um deles tinha como ponto comum a utilização de teclas para discagem, digitação de texto e comandos, o que tomava um longo tempo dos usuários.
O iPhone tampouco foi o primeiro aparelho a utilizar telas touchscreen. No entanto, os telefones equipados com o recurso até então exigiam que o dono utilizasse uma caneta Stylus, similar à que acompanha o Galaxy Note. O acessório era obrigatório até para comandos simples e seu uso não era nada amigável.
O grande mérito do iPhone, porém, foi apresentar um telefone touchscreen totalmente responsivo e que podia ser utilizado com os dedos, dispensando a terrível canetinha. Além disso, a Apple também investiu em um sistema totalmente intuitivo e amigável, com ícones adaptáveis, aplicativos especialmente criados para o aparelho e um teclado virtual fácil de usar. E assim, em 29 de junho de 2007, o "revolucionário" gadget era oficialmente lançado nos EUA.
as22.jpg
2 – Quantos iPhones foram vendidos em toda a história?
O iPhone é o aparelho de maior sucesso na história da Apple. E não é para menos, afinal, até março deste ano foram vendidos mais de 700 milhões de unidades do aparelho em todo o mundo. Para se ter uma ideia, o número é bem maior do que a população do Brasil e Estados Unidos juntas.
3 – Como poderia ter sido o primeiro iPhone?
O elogiado design do iPhone chama a atenção por sua simplicidade e pela ausência de inúmeros botões para controlar as funções do telefone. No entanto, a Apple poderia ter seguido um caminho muito diferente do apresentado em 2007, conforme revelaram documentos entregues durante os processos contra Samsung relacionados a patentes.
pate1.jpg
No lugar das linhas arredondas adotadas no primeiro modelo, a Apple chegou a pensar em lançar um aparelho com uma traseira mais reta, lembrando bastante o iPhone 5. Já um conceito mais radical do smartphone mostra um aparelho com uma das pontas bastante finas e com uma grande curva, que poderia ter sido pensado para o melhor encaixe nas mãos do usuário.
4 – iOS 7: de onde veio a inspiração?
Em 2013, após muitas críticas, a Apple finalmente decidiu fazer uma grande reforma no seu sistema, o iOS. A sétima versão do software, apresentada durante a WWDC 2013, trouxe um visual mais minimalista e colorido, que continua em uso pela fabricante. Mas de onde veio a inspiração para a interface?
as.jpg
Segundo alguns usuários do Fórum Reddit, o esquema de cores adotado nos ícones dos aplicativos de fábrica do iOS 7 foram inspirados… na própria Apple! Ao comparar as cores utilizadas pela logo da empresa nos anos 70, é possível perceber que aplicativos como o telefone, notas, iTunes, calculadora e outros seguem a mesma variedade de cores presente na maçã.
5 – A primeira atualização do iPhone levou um ano e meio para ser lançada
É possível afirmar hoje que a Apple é uma empresa bem regrada e previsível. Ao contrário de companhias como Sony e Samsung, com lançamentos a cada seis meses, a empresa da maçã atualiza seu telefone a cada um ano, geralmente em setembro. Mas nem sempre foi assim.
as2.jpg
Apesar do sucesso do primeiro iPhone, a Apple levou 18 meses para apresentar a nova versão do smartphone: o iPhone 3G. Como o próprio nome já diz, a segunda geração do aparelho chegou equipada com uma conexão à Internet móvel de alta velocidade, além de uma nova versão do sistema e configurações mais robustas.
6 – Caro desde a chegada ao Brasil
O iPhone levou um certo tempinho até ter sua primeira versão lançada no Brasil, mas nem por isso a Apple compensou a espera com um bom preço. O iPhone 3G, primeiro smart da Apple a chegar ao Brasil, em 2008, custava entre R$ 1.000, na versão pós-paga de 8 GB, e R$ 2.600, para o pré-pago de 16 GB. Esses eram valores astronômicos para os aparelhos da época, mas equivalentes aos tops do momento, como o Nokia N95. No entanto, como não há nada ruim que não possa piorar, o smart chega a custar bem mais que seu valor inicial, na versão 6 Plus, vendida a R$ 3.899 por aqui.
7 – As propagandas da Apple sempre exibem o relógio marcando 9h41
Se você reparar, as imagens de divulgação do iPhone e de outros produtos da Apple terão sempre o mesmo horário: 9:41 AM (no formato de 12 horas). Qual é o motivo da escolha? Pura aleatoriedade? Nada disso, a resposta está na apresentação do primeiro telefone da Apple.
as4.jpg
O ex-chefe de desenvolvimento do iOS, Scott Forstall, revelou em 2010 que a Apple preparava seus Keynotes para apresentar novos produtos ao redor dos 40 minutos de conferência. Por esse motivo, a empresa preparava seu material de divulgação para que os presentes tivessem uma sensação de proximidade entre a hora mostrada no telão e a que aparece em seus relógios.
No caso do primeiro iPhone, Steve Jobs começou a apresentação do telefone às 9h41 do dia 29 de junho de 2007, horário que ficou marcado na história da empresa. Apesar disso, o aparelho só apareceu pela primeira vez às 9h42, o que fez com que a Apple utilizasse algumas vezes “9:42 AM” em suas peças de divulgação.
8 – Como o iPhone evoluiu?
Há quem ame ou odeie o iPhone, acusando a Apple de um certo conservadorismo nas mudanças do aparelho. De certa forma, a empresa mantém até hoje a linha de design iniciada no primeiro aparelho, com um único botão físico Home na parte frontal do telefone.
as6.jpg
O primeiro iPhone, por exemplo, tinha configurações bem baixas, como tela de baixa resolução, e uma aparência mais arredondada. Nas versões 3G e 3GS, a Apple fez algumas pequenas modificações no visual do aparelho e adotou configurações mais poderosas, como Internet de alta velocidade e processador capaz de rodar as inúmeras aplicações já disponíveis na época.
as9.jpg
O iPhone 4 foi o primeiro a adotar linhas mais “quadradas” e ter uma câmera frontal para selfies e FaceTime. Já o iPhone 4S foi o responsável pela apresentação da Siri. O visual do aparelho foi novamente mudado e a tela foi esticada pela primeira vez no iPhone 5, padrão seguido de perto pelos modelo 5S e 5C, esse último feito totalmente de plástico multicolorido.
as10.jpg
Por fim, o iPhone 6 e 6 Plus marcaram a desistência da Apple em remar contra o mercado e lançar aparelhos com telas gigantes. Equipados com 4,7 e 5,5 polegadas, respectivamente, ambos os modelos trazem configurações poderosas e um design leve e renovado. Confira mais detalhe da evolução completa do smartphone da Apple.
 
Fonte: Com informações do Tech Tudo
Matéria publicada em: 29/06/2015    Por: Celia Fontinele
Anuncie aqui 670 X 150

Comentários

4 + 7 =