Blog da Salwa - Notícias e Eventos da Cidade

22 de dezembro de 2014

Chegou!!! CD Te Exaltamos 1º Album de Salwa Awad(Min.Som do Leão) já está nas Lojas

CD Te Exaltamos 1º Album de Salwa Awad(Min.Som do Leão) já está nas Lojas: Liv. Peniel Gospel, Liv. Shalom, Liv. Shakiná(VL ildemar), IBA(Caique Ribeiro), IG Vida(Secretaria) Centro, Motoca(Pra. Elisangela Leite), Construtiva(Edna). Agende-nos em seu evento: 99 99162 2528 ou 99 99121 1314 ou email: antonielson_somdoleao@live.com

CHEGARAM AS AGENDAS 2015 VIDA EM ADORAÇÃO

Jasiel AlvesemJasiel Alves - Há 5 dias



Conselho Municipal da Criança e do Adolescente lança campanha para arrecadar recursos, em Açailândia

Com objetivo de arrecadar fundos para o auxilio de crianças e adolescentes de Açailândia, o Conselho Municipal da Criança e do Adolescente, lançou a campanha "Leão Amigo da Criança e do Adolescente". A iniciativa conta com o apoio da Associação Comercial de Açailândia (Acia), OAB, Ministério Público e da Câmara Municipal. Tanto pessoas físicas como jurídicas podem contribuir, a doação deve ser feita até o dia 30 de dezembro para que o valor possa ser abatido na declaração do imposto de renda. O deposito tem que ser feito na conta do fun do da infância e adolescência (FIA): Banco do ... mais »

Flávio Dino recebe diploma de governador do Maranhão

Acompanhado da família, Flávio Dino reconheceu a união de esforços de todos que acreditam em novo momento para o Maranhão O governador eleito do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB) e o vice, Carlos Brandão (PSDB), foram diplomados na noite desta sexta-feira (19) pelo Tribunal Regional Eleitoral para exercer mandato de quatro anos a partir de janeiro de 2015. Na solenidade, que contou com a presença de mais de 1500 pessoas, foram diplomados além do governador e do vice, o senador eleito Roberto Rocha, 42 deputados estaduais, 18 deputados federais e o primeiro suplente de cada partido e/ou... mais »

11 de dezembro de 2014

Prefeitura de Açailândia entrega prêmios aos vencedores da 2ª etapa do concurso “Cidade Onde Moro”.

[image: premiação concurso (6)][image: premiação concurso (2)][image: premiação concurso (7)] O evento aconteceu ontem, quarta-feira (10), na quadra da SEDEL, onde a prefeitura através da Secretaria Municipal de Educação, premiou os primeiros colocados nas Olimpíadas Brasileira de Língua Portuguesa, Olimpíada de Astronomia e do Concurso Cidade onde Moro, esse criado já na gestão da prefeita Gleide Santos. Na ocasião também foi entregue aos alunos que participaram do projeto “Arte nos trilhos” o livro do artista Paulo Portela, coordenador do projeto. Para a alegria de todos os alu... mais »

27 de novembro de 2014

Empresa troca janelas de avião por telas com vista panorâmica

Ciência e Tecnologia



(Foto: Divulgação)(Foto: Divulgação)
Você que sempre disputava aquele lugar na janela do avião não terá mais esse problema. A empresa inglesa Centre For Process Innovation (CPI) criou um moderno projeto que elimina as janelinhas dos aviões atuais e instala telas flexíveis de Oled (um material mais fino e que usa menos energia do que o LCD e o plasma), permitindo que o passageiro aproveite uma vista panorâmica de fora da aeronave. Segundo a empresa, a tela pode ser desligada.
“Você tem total flexibilidade para colocar as telas onde quiser. Você pode colocar as imagens na lateral do seu assento, pode optar por colocá-la na frente da cadeira, escolher as imagens das câmeras ou não ter visão alguma de absolutamente nada”, enumerou Jon Helliwell, um dos responsáveis pelo projeto, ao jornal inglês The Guardian
(Foto: Divulgação)
(Foto: Divulgação)
A ideia futurista pode fazer com que algumas pessoas associem a nova tecnologia a um gasto maior de energia, mas os técnicos da CPI garantem que o resultado será exatamente o oposto. De acordo com Helliwell, ao retirar as janelas do avião, a fuselagem se tornará mais fina, o que significa uma redução maior no peso da aeronave. A consequência seria a diminuição do combustível gasto e da emissão de CO2.
Segundo a CPI, 3,1 bilhões de pessoas viajam por ano no mundo todo, gastando 220 mil galões de combustível e produzindo 705 milhões de toneladas de CO2. Para cada 1% de redução no peso da aeronave, são economizados 0,75% de combustível.

Os males do excesso de açúcar para a pele

pelebrancaPele opaca e sem vida pode ser sinônimo de
excesso de açúcar
Diariamente você passa um sem número de cremes no rosto e não fica satisfeita com sua pele? Ela acorda opaca, sem viço ou elasticidade, as rugas não diminuem, erupções como pequenas espinhas aparecem todas as semanas e as manchas são cada vez mais visíveis? Dá até vontade de jogar todo o arsenal de produtos no lixo, né? Calma! O que pode estar ocorrendo é a ingestão exagerada de açúcar.
Quando isso acontece, inicia-se a glicação, um processo nocivo para o organismo. A glicose adere às proteínas circulantes no sangue que possuem um potencial para atrair moléculas de oxigênio formando os chamados AGEs – Advanced Glycotion end Products. Daí o envelhecimento precoce da derme.
O bom de saber logo se isso ocorre em seu organismo é que há como combater o agente sabotador de uma pele linda. “Quanto antes o cuidado com a pele for iniciado, menor será o impacto no envelhecimento. De modo geral, os AGEs podem ser combatidos através de dieta, suplementos e produtos tópicos”, diz Marcela Frias, nutricionista da Clínica Dicorp.
Reduzir a ingestão de açúcar também quer dizer cortar do cardápio, além do produto refinado, os carboidratos simples que se transformam em glicose. Recentemente, Giovanna Lancellotti declarou que tirou o açúcar da dieta, perdeu quatro quilos e mantém a pele lindinha. Ok, pode-se dizer que ela é nova e tal, e que com 20 anos é fácil. Mas o que dizer da pele cintilante de Halle Berry, aos 46, e Michelle Pfeiffer, aos 55 anos? As estrelas hollywoodianas também dizem não ao acúcar e ao carboidrato. “Para prevenir a glicação, deve-se diminuir a ingestão de carboidratos simples com alto índice glicêmico, como açúcares e doces, arroz branco, pão branco, macarrão, batata e massas em geral, e dar preferência aos carboidratos complexos de baixo índice glicêmico e ricos em fibras, como arroz e pão integrais, aveia, linhaça, chia, quinoa, feijão, soja, grão de bico, verduras e frutas com casca”, enumera Marcela.
Os efeitos da glicação, segundo o dermatologista Júlio César Nogueira, do W Spa, começam a aparecer entre os 30 e 35 anos. “Por isso, a construção de novos hábitos alimentares, associados a um estilo de vida saudável, podem ser considerados fatores antiage, pois irão fornecer mais antioxidantes ao sistema, responsáveis por combater as toxinas e evitar os processos inflamatórios”, alerta.
(FONTE: Ego)

Veja dez produtos de beleza que não saem de moda

Sabe aquela história de panela velha é que faz comida boa? No mundo da beleza, a máxima também tem lá seu lugar. A cada estação, o mercado apresenta diversos novos produtos que prometem grandes efeitos. Mas, em meio a tantas inovações, ainda existem aqueles que resistem ao tempo e seguem tendo consumidores fiéis.
A dermatologista Denise Barcelor, da CD Clínica Dermatológica, comentou, a pedido do site, os benefícios de dez dos produtos mais tradicionais do mercado. Confira!
(Reprodução/Ego)
(Reprodução/Ego)

Obesidade já custa ao Brasil 2,4% do PIB, diz estudo

Estudo mostra o aumento dos gastos no combate ao problema no mundo. (Foto: PA/BBC)Estudo mostra o aumento dos gastos no combate ao problema no mundo. (Foto: PA/BBC)
A obesidade custa ao Brasil 2,4% do Produto Interno Bruto (PIB), segundo um estudo internacional conduzido pelo McKinsey Global Institute, que mostra o aumento dos gastos no combate ao problema no mundo.
O custo equivale equivaleria a R$ 110 bilhões, considerando o PIB – a soma de todas as riquezas produzidas em um país – brasileiro em 2013 (R$ 4,8 trilhões).
No mundo, 2,8% de todas as riquezas são gastos no enfrentamento da obesidade. Isso equivale a cerca de R$ 5,2 trilhões, afirmam os pesquisadores.
O custo mundial da obesidade é quase o mesmo de doenças decorrentes do fumo ou perdas em consequência de conflitos armados – e tão relevante quanto o alcoolismo e as mudanças climáticas.
No Brasil, a obesidade é o terceiro de uma lista de problemas de saúde pública que mais pesam na economia, atrás de mortes violentas e alcoolismo, mas na frente de tabagismo.
De acordo com a McKinsey, 2,1 bilhões de pessoas – cerca de 30 % da população do mundo – estão acima do peso ou obesos.
A McKinsey afirma que em 2030, cerca de 50% da população poderá ser classificada como obesa, um percentual que o Brasil já atingiu.
Levantamento do Ministério da Saúde revela que 51% da população brasileira está acima do peso.
‘Pedágio’
O relatório afirma que existe um crescente “pedágio econômico” decorrente da obesidade: os custos financeiros impactam não apenas o setor de saúde pública, mas se distribuem amplamente na economia. Ao provocar doenças, por exemplo, a obesidade diminui os dias úteis e afeta a produção.
O estudo afirma que estas medidas são mais eficazes do que impostos sobre alimentos ricos em gordura e açúcar, ou campanhas de saúde pública.
Também foram considerados programas de controle de peso e de exercícios no ambiente de trabalho. O relatório pede “uma estratégia de escala” para uma realidade “que está alcançando proporções de crise”.
Uma pessoa é considerada obesa se tiver excesso de peso combinado a um elevado grau de gordura corporal.
A maneira mais comum para avaliar se uma pessoa é obesa é verificar seu índice de massa corporal (IMC), que divide o peso em quilos pela altura em metros ao quadrado.
Um IMC acima de 25 significa excesso de peso. Um IMC de 30 a 40 equivale a obesidade. Indivíduos com IMC acima de 40 são considerados muito obesos.
Na mão oposta, um IMC menor que 18,5 significa abaixo do peso ideal.

Gleide Santos firma parceria com a Caixa Econômica Federal e garante agência bancária exclusiva para servidores públicos de Açailândia

Caixa (1)

Decerramento da placa de inauguração da agência exclusiva dos servidores públicos de Açailândia…
Açailândia - Cumprindo mais uma das metas de seu plano de governo no que concerne á valorização do servidor público de Açailândia, a prefeita Gleide Santos firmou parceria com a Caixa Econômica Federal que vai dar garantias de um melhor acesso à rede bancária no que se dizem respeito ao atendimento, financiamentosempréstimos, acesso à casa própria, reforma de residências e até compra de veículos.
Ao tomar a decisão de transferir as contas da prefeitura de Açailândia para a Caixa Econômica Federal, a prefeita Gleide Santos sofreu severas críticas por parte dos servidores públicos, e, com certa razão, pois a instituição bancária não oferecia estruturas para atender a demanda que já era precária no Banco do Brasil – Foi apenas mais uma quebra de paradigma do governo Gleide Santos, pois a transferência estava condicionada a inúmeros benefícios ao servidor público como ampliação do autoatendimento que apesar de ter acontecido com atraso, hoje é outra realidade. Outro benefício foi à diferenciação na taxa de juros para financiamentos, e por último, e essa uma grande surpresa, a abertura de uma agência exclusiva para o servidor público de Açailândia - A inauguração da nova agência bancária aconteceu na tarde desta terça-feira (25), às 17h.
Caixa (2)
A nova agência que recebeu o nome de PA AÇAILÂNDIA, está localizada à Rua Rio Grande do Norte S/Nº, no centro da cidade ao lado da Secretaria Municipal de Educação, e funcionará das 10h às 15h nos dias úteis, e Auto Atendimento das 07h ás 22, de segunda a domingo para atendimento especial aos servidores públicos e à população.
O evento bastante disputado contou com a ilustre presença da prefeita, Gleide Lima Santos (PMDB), do superintendente regional da CAIXA, Dr. Hélio Luiz Duranti, do Gerente da Agência de Açailândia, e de diversas autoridades e servidores municipais.
A nova unidade além de atender as condições impostas pela prefeita Gleide Santos para que instituição seja detentora das contas da prefeitura de Açailândia, também está alinhada a um dos objetivos da CAIXA que é ter excelência no atendimento, valorizando a satisfação e a comodidade dosclientes.
Caixa (3)
A aconchegante agência, anexa á Secretaria Municipal de Educação obedece também ao modelo atual de ergonomia e modernidade e terá a disposição dos clientes um gerente próprio e alguns funcionários para melhor atender os servidores públicos e a população, com modelo de sinalização interna adequado ao padrão de atendimento privativo nos guichês de caixa, além de um moderno padrão visual totalmente funcional para facilitar o direcionamento e a movimentação dos clientes.